03/06/2011

Como melhorar a performance no Trabalho em 6 dicas - Entrevista com o Recrutador ok

By
A entrevista do mês de junho é com Fernando Henrique A de Carvalho, que atualmente é gerente de relacionamento do grupo Adoka S.A. e que está no cargo há aproximadamente 6 anos.


Carvalho gerencia equipes numerosas e trabalha diretamente com os departamentos de recursos humanos e atendimento ao cliente da instituição e desta vez propos uma forma diferenciada de conseguirmos um aprendizado diferenciado.


Ele também está com o projeto Lanterninha.com - um blog que foi desenvolvido para publicar conhecimento através de práticas culturais como assistir a filmes, acompanhar peças de teatro e admirar a sonoridade das músicas em eventos.



Ele que é profissional formado em administração geral e recursos humanos pela Universidade Nove Julho de São Paulo colocou para nós 6 filmes que trarão melhor experiência aos candidatos à novas vagas ou até mesmo uma forma de melhorar o desempenho daqueles que já estão recolocados no mercado de trabalho.



Hoje estamos com uma proposta diferenciada. A de colocar 6 filmes dos mais diversos gêneros e buscar neles um caminho para melhorar a nossa performance no trabalho ou até mesmo nas atitudes em nossas vidas.



Todos sabemos que um filme é também uma forma de expressar conhecimento e em muitos filmes podemos extrair conteúdo para utilizarmos em nossas áreas de trabalho.



Desta vez separamos 6 títulos para falar a respeito de 6 pontos importantes para quem procura um emprego novo ou quem está desmotivado em seu emprego atual e acredita que pode melhorar e se tornar mais produtivo.


Os 6 temas genéricos foram escolhidos com base em consultorias de Recursos Humanos onde profissionais da área afirmaram valorizar estas qualidades nos profissionais mais diversificados do mercado.



Os temas que abordaremos aqui são: A persistência, o aprendizado, o trabalho em equipe, a importância da elevada auto-estima, a iniciativa e a motivação.


Preste atenção que as nossas indicações devem ser avaliadas do ponto de vista individual aproveitando o melhor de cada produção para si em seu trabalho e cotidiano. Estamos aqui apenas para sugerir momentos de lazer aliados a possibilidade de enrriquecimento cultural com uma temática voltado ao campo profissional.


Não quer dizer com isso que ao assistir aos 6 filmes você estará apto nestas qualidades mas com certeza dizemos que em sua mente algo irá mudar, talvez simplesmente você entenda que outras pessoas passam pelos mesmos problemas que você e que através da continuidade de seus esforços elas alcançaram seus objetivos.


O mais importante aqui é avaliar cada produção isoladamente e tentar aproximá-las ao seu cotidiano para então refletir os pontos que precisam ser melhorados.


Está preparado? Então assista a estas produções e muito sucesso!


1 - A procura da Felicidade (persistência)



Sinopse: Chris Gardner (Will Smith) é um pai de família que enfrenta sérios problemas financeiros. Apesar de todas as tentativas em manter a família unida, Linda (Thandie Newton), sua esposa, decide partir. Chris agora é pai solteiro e precisa cuidar de Christopher (Jaden Smith), seu filho de apenas 5 anos. Ele tenta usar sua habilidade como vendedor para conseguir um emprego melhor, que lhe dê um salário mais digno. Chris consegue uma vaga de estagiário numa importante corretora de ações, mas não recebe salário pelos serviços prestados. Sua esperança é que, ao fim do programa de estágio, ele seja contratado e assim tenha um futuro promissor na empresa. Porém seus problemas financeiros não podem esperar que isto aconteça, o que faz com que sejam despejados. Chris e Christopher passam a dormir em abrigos, estações de trem, banheiros e onde quer que consigam um refúgio à noite, mantendo a esperança de que dias melhores virão.



Tome nota:



Ao assistir este filme preste atenção em sua história. Estamos falando de um homem que é pai de família passando pelas mais diversas dificuldades em seu emprego atual. Vendedor de um produto que ninguém compra. E que quando tudo parecia ruim ainda piorou com sua demissão e com sua mulher que o abandonou deixando-o apenas com seu filho. Não vamos concentrar no mérito de quem está certo ou errado mas na forma como nosso personagem principal resolveu dar a volta por cima. Perceba a dificuldade total inclusive em cenas que ele, mesmo sem dinheiro, ainda paga o táxi com os últimos R$5 ao que ele imagina ser seu futuro chefe.



Mesmo com todos os problemas que a vida lhe impôs ele ainda encontrou forças para continuar e fez coisas que muita gente jamais ousaria fazer, uma delas? Humilhar-se prejudicando sua dignidade. Assista ao filme e confira seu surpreendente final e nos diga se valeu ou não a pena.



2 - Menina de Ouro (aprendizado)



Sinopse: Frankie Dunn (Clint Eastwood) passou a vida nos ringues, tendo agenciado e treinado grandes boxeadores. Frankie costuma passar aos lutadores com quem trabalha a mesma lição que segue para sua vida: antes de tudo, se proteja. Magoado com o afastamento de sua filha, Frankie é uma pessoa fechada e que apenas se relaciona com Scrap (Morgan Freeman), seu único amigo, que cuida também de seu ginásio. Até que surge em sua vida Maggie Fitzgerald (Hilary Swank), uma jovem determinada que possui um dom ainda não lapidado para lutar boxe. Maggie quer que Frankie a treine, mas ele não aceita treinar mulheres e, além do mais, acredita que ela esteja velha demais para iniciar uma carreira no boxe. Apesar da negativa de Frankie, Maggie decide treinar diariamente no ginásio. Ela recebe o apoio de Scrap, que a encoraja a seguir adiante. Vencido pela determinação de Maggie, Frankie enfim aceita ser seu treinador.



Tome nota:



O aprendizado fica claramente identificado nesta produção do magnífico Clint Eastwood. Perceba que o exercício de aprendizado é uma constante e que nunca seremos bons o bastante para negligenciar nenhum conteúdo. Emocione-se com este drama e aprenda de uma vez por todas que todo conhecimento que temos nunca será o bastante a vida é um eterno aprendizado.



3 - Como treinar seu Dragão (trabalho em equipe)



Sinopse: Na Ilha de Berk, lutar contra dragões é um estilo de vida. Por isso, o ponto de vista progressista e o senso de humor fora de padrão do adolescente viking Soluço não combinam muito bem com sua tribo e o chefe dela, Stoico – por sinal, pai do menino. Quando Soluço é inserido no Treino com Dragões com outros jovens vikings, enxerga a oportunidade de provar que tem o que é preciso para ser um guerreiro. Mas, ao se tornar amigo de um dragão ferido, seu mundo vira de cabeça para baixo, e o que teve início como a chance de Soluço provar do que é capaz acaba virando uma oportunidade de criar um novo rumo para o futuro de toda a aldeia.



Tome nota:



Sem dúvida alguma nos dias de hoje o que as empresas mais valorizam é o trabalho em equipe. De nada adianta ser um expert 100% se não consegue interagir com as pessoas. Tudo bem que as vezes é dificil e somos rebaixados perante os demais e nossa estima fica comprometida mas lembre-se: 'Não há idéia tola que não seja suficientemente usável de forma espetacular' pense sempre em como adaptar suas idéias e na melhor forma de comunicá-las aos outros. Aprenda muito com esta produção que apesar de possuir temática infantil nos ensina muito sobre como trabalhar em equipe.



4 - 007 Cassino Royale (auto imagem)



Sinopse: A 1ª missão de James Bond (Daniel Craig) como agente 007 o leva a Madagascar. Sua tarefa é espionar o terrorista Mollaka (Sebastien Foucan), mas nem tudo sai como o planejado. Bond decide espionar por conta própria o restante da célula terrorista, o que o leva às Bahamas. Lá ele conhece Alex Dimitrios (Simon Abkarian) e sua namorada Solange (Caterina Murino). Alex está envolvido com Le Chiffre (Mads Mikkelsen), o banqueiro de organizações terroristas espalhadas pelo planeta, que pretende conseguir dinheiro em um jogo de pôquer milionário em Montenegro, no Cassino Royale. O MI6 envia Bond para jogar contra Le Chiffre, sabendo que caso Le Chiffre perca a partida isto desmontará sua organização. Mas para esta tarefa o agente 007 terá a companhia da sedutora Vesper Lynd (Eva Green), enviada por M (Judi Dench) para acompanhá-lo na missão.



Tome nota:


Com certeza a imagem pessoal de cada um conta e muito na hora de conseguir um emprego, melhorar a comunicação em grupo e conseguir uma promoção. Não se desmotive pois não existe gente feia. O que existe é falta de interesse pela auto-imagem e um certo baixo astral.


Quando Daniel Craig foi escolhido para ser o agente 007 a crítica foi pesada dizendo que nunca tinham escolhido antes um ator baixinho e tão feio quanto ele para interpretar o herói com 'licença para matar'.


Mas perceba que como 007 ele não é nada feio. Fiz uma pesquisa aqui com 10 mulheres e as 10 disseram que ele é um homem muito bonito. Por que será?


Primeiro porque ele se veste bem. E vestir-se bem não é uma questão de calçar um sapato de marca luxuosa ou vestir um terno de 10mil dólares. Vestir-se bem é apresentar-se bem em todos os sentidos. Para homens barba bem feita e cabelo penteado, para mulheres cabelo escovado e maquiagem leve. Para âmbos postura ereta e boa dicção, ou seja, saber falar em público.


Perceba ao assistir 007 que nosso intérprete sempre chama a atenção mesmo quando há outros homens muito mais bonitos (segundo as mulheres) e por que isso acontece? Por que ele tem presença espacial, ou seja, sabe chamar a atenção. Um sorriso, um olhar, a forma como senta, como anda, como observa as horas no relógio, enfim, siga exemplos de atores e atrizes que chamam a atenção por sua 'beleza' tente copiá-los e com certeza isso irá melhorar sua auto-imagem profissional. E observe bem a última dica sobre o 007, ele sempre é discreto.



5 - Carros (iniciativa)



Sinopse: Relâmpago McQueen (Owen Wilson) é um carro de corridas ambicioso, que já em sua 1ª temporada na Copa Pistão torna-se um astro. Ele sonha em se tornar o 1º estreante a vencer o campeonato, o que possibilitaria que assinasse um patrocínio com a cobiçada Dinoco. A fama faz com que Relâmpago acredite que não precisa da ajuda de ninguém, sendo uma "equipe de um carro só". Esta arrogância lhe custa caro na última corrida da temporada, fazendo com que seus dois pneus traseiros estourem na última volta da corrida. O problema permite que seus dois principais adversários, o ídolo Rei (Richard Petty) e o traiçoeiro Chicks (Michael Keaton), cruzem a linha de chegada juntamente com ele, o que faz com que uma corrida de desempate seja agendada na California. Relâmpago é então levado para o local de corrida por Mack (John Ratzenberger), um caminhão que faz parte de sua equipe. Ele quer chegar ao local antes de seus competidores e, por causa disto, insiste que Mack viage sem interrupções. Mack termina dormindo em pleno trânsito, o que faz com que a caçamba se abra e Relâmpago, que também estava dormindo, seja largado em plena estrada. Ao acordar Relâmpago tenta encontrar Mack a todo custo, mas não tem sucesso. Em seu desespero ele chega à pequena Radiator Springs, uma cidade do interior que tem pouquíssimo movimento e que jamais ouviu falar de Relâmpago ou até mesmo da Copa Pistão. Porém, por ter destruído a principal rua da cidade, Relâmpago é condenado a reasfaltá-la. Obrigado a permanecer na cidade contra a sua vontade, aos poucos ele conhece os habitantes locais e começa a se afeiçoar por eles.


Tome nota:


Sou suspeito a falar da animação da Pixar, Carros. Pois julgo a maior injustiça da premiação OSCAR dos últimos 30 anos, cuja a animação não venceu. Mas desta vez vamos analisá-la do ponto de vista profissional.


As animações da Pixar são conhecidas por terem um fundo analítico por trás do simples desenho. Por isso assista carros com máxima atenção aos detalhes e irá, também, se surpreender.



A parte de Carros que nos interessa é quando o personagem principal Relâmpago McQueen muda sua vida de arrogância para a humildade e resolve tomar uma iniciativa que irá melhorar sua própria imagem de si, dos amigos e da real vitória.


Entenda que uma das coisas mais importantes no ambiente corporativo é a tomada de decisão e que muitas vezes ela só acontece se você tiver iniciativa. E que por mais simples que possa ser uma iniciativa é sempre uma iniciativa.


Costumo dizer aos meus colaboradores que é preferível errar tomando uma iniciativa do que errar por não ter feito nada. Qualquer iniciativa faz a diferença. Experimente apanhar um papel do chão, abrir a porta para alguém, ceder o lugar na fila a um idoso, apoiar uma idéia. Faça a diferença, tome uma iniciativa!



6 - Invictus (motivação)



Sinopse: Recentemente eleito presidente, Nelson Mandela (Morgan Freeman) tinha consciência que a África do Sul continuava sendo um país racista e economicamente dividido, em decorrência do apartheid. A proximidade da Copa do Mundo de Rúgbi, pela primeira vez realizada no país, fez com que Mandela resolvesse usar o esporte para unir a população. Para tanto chama para uma reunião Francois Pienaar (Matt Damon), capitão da equipe sul-africana, e o incentiva para que a selação nacional seja campeã.



Tome nota:



Invictus é um filme sobre trabalho em equipe. Mas mais do que isso é uma produção sobre motivação. A motivação precisa vir do interior de cada um e precisa ser emitida. Se combinada com a motivação de outros tanto melhor, mas aquele que é um astro consegue se motivar e motivar as pessoas que estão ao seu redor.



Quando se trabalha a motivação deve ser o seu salário. Se ele não é suficiente para te motivar então melhore o seu trabalho e procure uma promoção. Faça valer a pena, se imagine sendo o seu chefe e avalie se realmente merece ganhar mais. Se não trabalha e precisa de um emprego a sua motivação deverá vir ainda mais do interior. Se preferir procure ajuda divina. Se motive com Deus. Não estamos aqui para pregar religiões dizendo qual delas é a melhor ou pior. Estamos aqui para dizer que o universo é cheio de energia positiva e negativa, isso é própria física, então prefira ter energia positiva para que as pessoas queiram estar com você.



Experimente encontrar fatores que possam te motivar. Procure pelos simples e depois vá aumentando o grau de dificuldade.



Eu por exemplo costumo começar pelas pequenas coisas da vida. Começo no café da manhã. Como é importante tomar café com a família mesmo que seja só um pão com manteiga e um cafezinho ralo. Faça de cada momento uma experiência única e vá progredindo se motivando com momentos simples e sonhos fantásticos.


--------------------------------------------------


Para concluir:



Assista aos 6 filmes faça anotações se divirta e se emocione. Compare a vida dos personagens principais e daqueles que estão protagonizando junto deles e compare com a sua vida. Veja o que pode fazer para melhorar acredite em um criador e tenha sonhos grandes e pequenos pois você chegará lá!


Confie e muito sucesso!


Um abraço,


Fernando Carvalho

Administrador Geral em Recursos Humanos

Grupo Adoka S.A.

http://www.safarivirtual.com.br/

http://www.lanterninha.com/

0 comentários:

Postar um comentário

Seus comentários são sempre bem-vindos, porém lembre-se que serão lidos por todos, então não divulgue seus contatos aqui, envie o cv diretamente para o endereço descrito na vaga e nem inclua xingamentos.